terça-feira, 27 de novembro de 2012

Tanka de ateu



Diga-me, Senhor
Estás em toda parte?
Fale, por favor!

Estás aqui comigo?
Não creio, não consigo!

5 comentários:

  1. Limerique

    Ainda que procure com toda arte
    Na Terra, na Lua e até em Marte
    Esquivo ele se esconde
    Ninguém imagina onde
    Mesmo assim está em toda parte.

    ResponderExcluir
  2. Como disse o Jair, Deus está em toda parte.

    ResponderExcluir
  3. Belo tanka!
    ELE está em todo lugar
    e junto de ti!
    Parabéns, amigo!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Tempos atrás tb questionava sobre isso. Um dia descobri que na verdade ele sempre esteve comigo, eu é que me afastei dele. Muito belo e reflexivo seu haikai Cristiano.
    Aproveito para te convidar para uma visita ao meu novo blog.
    Interessante que os poemas que estou publicando lá têm muito a ver com essa fase minha desses questionamentos. São poemas mais antigos que estou resgatando dos meus primeiros contatos com a poesia como expliquei la na divulgação que estou fazendo no meu Sonhos em versos.E há alguns mais recentes também. Quando puder passa lá ta. Será um prazer receber sua visita e ter o seu parecer. O endereço é: http://poemasversosereversos.blogspot.com.br/ (reversos... e alguns versos...) Abraços amigo poeta.

    ResponderExcluir
  5. Mas está, acredite.
    Um tanka perfeito.

    Um abraço.

    ResponderExcluir

Nuvens é um belíssimo livros escrito por Anoldo Pimentel, poeta carioca que nos encanta com seus escritos no blog Haikai nos ventos. Para adquirí-lo mande um email para arnoldopimentel@gmail.com

Prestação editorial independente e distribuição de e-books de poesia & afins

CASTANHA MECÂNICA

Castanha Mecânica é um projeto que visa à livre distribuição e divulgação da poesia através da organização dos poemas em forma de e-book. Toda e qualquer reprodução, parcial ou integral das obras que aqui se encontram são autorizadas pelos autores, desde que a autoria seja devidamente atribuída.

Buscando outro caminho fora do mercado editorial, e, a descobertas de novos nomes da poesia, nos disponibilizamos a uma “prestação editorial” que culmina em livros virtuais que podem ser baixados diretamente do nosso acervo.
Ocorreu um erro neste gadget