terça-feira, 23 de outubro de 2012

Falando por falar

I

Nada machuca
o corpo do bêbedo
cheio de uca


II

Existe um amor
sem reciprocidade
sob o cobertor


III

Foda-se a métrica!
Haicai
não é só estética

IV

Conclui-se enfim
Ninguém se faz poeta,
pois nasce assim

V 

Eu,reencarnar?
Minh'alma é vadia
vou pr'outro lugar


VI

Inveitei um Deus
Que seja bom para mim
e para os ateus

VII

Manabu Mabe
pintando meu haikai
Talvez, quem sabe?

VIII

De saco cheio
de não terminar nada,
fico no meio

IX 

Por toda parte
há poetas malucos
no céu de marte

X

O meu violão
Nunca fez serenata.
Que decepção!


Cristiano Marcell
 




 

 

13 comentários:

  1. Gostei de todos, principalmente do bem humorado sobre a métrica. Concordo plnamente com ele!

    ResponderExcluir
  2. Limerique

    Claro, cabe ao poeta divagar
    Mesmo que seja assim devagar
    Poeta inconformado
    É sempre esperado
    Portanto, porque não espernear?

    ResponderExcluir
  3. Respostas
    1. Muitíssimo obrigado,meu caro amigo!!!!


      Muita paz!!

      Excluir
  4. Eu nunca me decepciono quando venho aqui te ler... Abraços poeta!!!

    ResponderExcluir
  5. Manabu Mabe
    Pintando seu haicai
    Talvez, quem sabe?

    Já imaginei, quem sabe grande haicaísta.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  6. Aprendi a amar o haicai lendo a Elisa (rss). Os seus estão ótimos. Abraços

    ResponderExcluir
  7. Olá,

    achei interessante o nome de teu blog, e estava vindo aqui agradecer-lhe a vista. Cheguei aqui e e fui lendo. Não parei mais! Gosto muito de ler haicai. Uma obra sensacional, uma história incrível.

    Amei a tua obra!
    retornarei aqui!
    (=

    ResponderExcluir

Nuvens é um belíssimo livros escrito por Anoldo Pimentel, poeta carioca que nos encanta com seus escritos no blog Haikai nos ventos. Para adquirí-lo mande um email para arnoldopimentel@gmail.com

Prestação editorial independente e distribuição de e-books de poesia & afins

CASTANHA MECÂNICA

Castanha Mecânica é um projeto que visa à livre distribuição e divulgação da poesia através da organização dos poemas em forma de e-book. Toda e qualquer reprodução, parcial ou integral das obras que aqui se encontram são autorizadas pelos autores, desde que a autoria seja devidamente atribuída.

Buscando outro caminho fora do mercado editorial, e, a descobertas de novos nomes da poesia, nos disponibilizamos a uma “prestação editorial” que culmina em livros virtuais que podem ser baixados diretamente do nosso acervo.
Ocorreu um erro neste gadget